domingo, 28 de abril de 2013

NÃO DESISTA DE VOCÊ!

Este mês foi bem atípico para mim, pois aconteceram coisas maravilhosas em minha vida, tudo dando tudo certo, mas infelizmente para alguns amigos meus parecia que a bruxa estava solta. 

Amigos terminando relacionamentos, brigando com seus companheiros, perdendo os seus empregos, ou alguém de sua família passando pela mesma situação...Resumindo: só “zica”… 

Eu torço muito pela felicidade dos meus amigos, tá certo que nem todos são amigos de verdade, tenho poucos amigos, 90% são conhecidos e só mantenho contato via Facebook, mas não deixam de ser seres humanos e eu querer o bem dessas pessoas 

Só que na verdade, em algum momento de nossas vidas, sempre aparece alguém tentando nos derrubar, nos ofender, humilhar, nos jogar pra baixo, tirar nossa paz etc… E nessa hora, só nos resta uma saída: Acreditar! 

Esse mês conseguir enfim dá um BASTA em um “povinho” invejoso que tentava tirar minha paz. Com isso me tornei mais leve, mas madura, mas mulher! Até li em algum blog por onde passei , um provérbio chinês que acho que diz tudo sobre esse tipo de gente que volta e meia surge em nossas vidas: “O cão não late por valentia e sim por medo.” E é exatamente assim que penso quando alguém tenta usar o seu medo interior contra mim… Essa pessoa de alguma forma se sente ameaçada e tem inveja. 

Então por exemplo, seja na escola, faculdade ou até no mundo virtual, algum idiota insiste em fazer bullying com você, tenha certeza de uma coisa: todas as ameaças e humilhações são por um único motivo: MEDO! Seja medo de você chegar lá, ou de descobrir o quanto você é capaz, ou até de alguém ver por trás da máscara que ela usa o quanto medíocre que ela é, então para tentar disfarçar um poder que na verdade não existe, essas pessoas escolhem alguém que erroneamente consideram bobas. 

Ou pode também acontecer na vida profissional, seu chefe insiste em implicar com tudo que você faz. Saiba que ele está com medo. Seja de você pegar o lugar dele, ou de você errar e atrasar ou prejudicar o trabalho dele e este ser punido por um erro seu. 

Quando por exemplo, alguém tenta “crescer” me diminuindo, o único sentimento que tenho por essa pessoa é pena e a olho com desprezo. Levanto a cabeça e sigo em frente: tenho meus sonhos, minhas metas, todas estão bem traçadas em minha mente e não vou desviar meu caminho por causa de ninguém. 

Não tenho medo do novo e muito menos medo de mudança. Certa vez uma amiga me comentou que tem uma prima que sempre mudava de emprego, pois sempre estava a procura de algo melhor, quando encontrava uma nova oportunidade de crescimento profissional, ela simplesmente mudava. Vi o quanto essa moça que nem conheço estava certa: refiz meu currículo e investi em cursos. 

Não tenho problema algum em recomeçar tudo do zero. Até mesmo nos relacionamentos, minha vida amorosa sempre foi um desastre, mas olha eu aqui, pronta pra amar novamente. 

Resumindo, críticas vão sempre existir e estas até podem ser boas. Ouça as críticas, e tire delas o que realmente vale a pena. Mas não se deixe abalar por elas. Ninguém sabe melhor da sua vida, seus problemas e suas vontades do que você! Então sempre… SEMPRE… Acredite em você, e nos seus sonhos… Caso contrário, quem o fará?


quarta-feira, 24 de abril de 2013

Quero um Homem Rico!

Sim, eu quero! 

O homem rico poderá me proporcionar mais conforto, qualidade de vida, segurança, comida digna e até uma assistência a saúde de qualidade. Mas não estou à venda, não basta ter dinheiro, ele tem que ser “o cara”, mas não aquele cara da novela das 09:00, ser o cara vai muito além de um belo físico e uma conta bancária recheada!

“O cara” é aquele homem que te surpreende e faz você enlouquecer quando te joga na parede e puxa o seu cabelo com jeito. Que consegue tirar o seu fôlego com apenas um beijo. 

Ser “o cara” é conhecer um pouco de tudo: poesia, negócios, jazz e o corpo feminino. E quando te segurar firma te faz acreditar que ele tem superpoderes. 

E ele realmente é “o cara”, porque ele não grita aos quatro cantos do mundo que ele te ama, ele fala isso baixinho, no seu ouvido, ou olhando firme em seus olhos. Ele deixa transparecer o que sente em simples gestos. E você sabe ! 

“O cara” é aquele que te faz sentir as melhores sensações, te dá os melhores beijos, os melhores amassos, as melhores mordidas, tapinhas, os melhores sonhos, os melhores desejos, os melhores momentos. 

“O cara” na verdade é aquele que te traz segurança, paz, prazer, felicidade, e que te faz sentir única.

segunda-feira, 22 de abril de 2013

Diferenças entre homens e mulheres !

Estava eu “navegando” no Facebook quando vi esse texto óóótéémo e resolvi dividir com vocês. Ele é tão, tão inteligente, sincero e coerente, que faz dele quase uma obra de arte. O autor? Não sei responder, mas quando passou pelos meus olhos já tinha mais de 25 mil curtidas! Então é bem provável que alguém aqui já conheça, mas coisa boa é pra ser compartilhada não é mesmo?

COMO FAZER UM HOMEM FELIZ:
1. O alimente
2. Durma com ele
3. Deixe ele em paz
4. Não olhe as mensagens de seu celular 
5. Não se incomode com o que ele faz.
Qual a dificuldade nisso?

COMO FAZER UMA MULHER FELIZ:
* Não é tão difícil mas... pra fazer uma mulher feliz o homem apenas te que ser :
1. Amigo
2. Companheiro
3. Amante
4. Irmão
5. Pai
6. Maestro
7. Chefe
8. Eletricista
9. Encanador
10. Mecânico
11. Carpinteiro
12. Decorador
13. Estilista
14. Sexólogo
15. Ginecologista
16. Psicologo
17. Exterminador
18. Psiquiatra
19. Curador
20. Um bom ouvinte
21. Organizador
22. Um bom pai
23. Muito limpo
24. Empático
25. Atlético
26. Sensível
27. Atento
28. Galante
29. Inteligente
30. Engraçado
31. Criativo
32. Terno
33. Forte
34. Compreensivo
35. Tolerante
36. Prudente
37. Ambicioso
38. Capaz
39. Corajoso
40. Determinado
41. Verdadeiro
42. Seguro
43. Apaixonado ( bom de cama)

NÃO ESQUECENDO DE:
44. Lhe fazer elogios frequentemente
45. Ir fazer compras com ela
46. Ser honesto
47. Ser muito rico
48. De não a estressar
49. Não olhar para outras mulheres.

E DE TEMPO EM TEMPO, ELE TAMBÉM PRECISA:

50. Lhe dar muita atenção
51. Lhe dar muito tempo,
especialmente para ela mesmo...
52. Lhe dar muito espaço, nunca se preocupando com; onde ela vai.

E TAMBÉM É MUITO IMPORTANTE;
53. Que nunca esqueça
* aniversários
* aniversários de datas especiais
* dia dos namorados
* qualquer arranjos que ela faça.
* que sua generosidade seja infinita com ela
* que seja atraente



sábado, 20 de abril de 2013

A "Praga" dos Leitores Anônimos

Vasculhando a internet encontrei um post muito bacana da blogueira portuguesa Ana Garcia Martins que fala sobre os comentários dos anônimos infelizes. Achei o texto muitíssimo inteligente e além de aplicar seus conceitos resolvi escrever a minha versão. 

Como estamos no iniciozinho do blog, esta é a hora de criar as chatas “regrinhas” de convivência. Já tive outros blogs e sei muito bem que blog é igual a relacionamento entre homem e mulher, se você não impõe limite no início, depois vira aquela “bagaceira”. 

Então para cortar o mal pela raiz estarei bloqueado todo e qualquer tipo de comentário anônimo. Quer comentar, expressar sua opinião e falar algo que poderá contribuir? Assine ! Mostre a cara ! Claro que não precisa escrever com seu OFF e revelar sua verdadeira identidade, mas faça um fake, escolha uma foto legal, que represente você, crie um personagem. Isso é o mínimo que você poderá fazer para respeitar todos os outros leitores e consequentemente ser respeitado neste espaço. Enfim...seja educado! 



Os chamados anônimos: 


- O leitor anónimo além de chato, parece ter um certo desvio de personalidade, pois todos os dias, várias vezes por dia, ele lê e comenta blogs que segundo ele são uma porcaria e seus autores uns medíocres. Eles já possuem seus blogs prediletos e até tem salvo seus links nos FAVORITOS. A única coisa que o leitor anônimo não consegue explicar é porque lê há tanto tempo os blogs porcaria. 

- O leitor anônimo é burro e não sabe fazer uso da liberdade que tem de simplesmente não acessar o blog a qual ele tanto fala mal. Mesmo quando escrevem algo malicioso com o único intuito de ‘atingir’ o autor do blog, ele ameaça não voltar, mas isso não dura uma semana e olha ele de volta. 

- O leitor anônimo tem um sério problema psicológico e uma alta dificuldade de interpretação de textos, adora por palavras “na boca” de autores de blogs e se meter onde não foi chamado. 

- O leitor anônimo adora encher a boca para “cuspir” que não perde tempo com blogs, mas sabe absolutamente tudo que se passa em nosso blog e conhece cada palavra que você escreveu em um post há 02 anos atrás. 

- O leitor anônimo até faz um fake para comentar em nosso blog, mas este usa o fake para ser popular no blog e com esse personagem fictício ele é sempre bonzinho, mas utiliza os comentários anônimos para ser do contra ou para se auto elogiar. 

- O leitor anônimo, além de ser um pobre de espírito é sensível, pois fica magoado quando seus comentários são excluídos, pois acha que todo mundo tem a obrigação de ler suas “verdades” e que o autor do blog é um hipócrita, pois só aceita os comentários que lhe convém. 

- O leitor anônimo gosta de plateia para tentar “aparecer”, por isso ele não cria um blog pra ele, fica comentando em blogs alheios com leitores já fixos. 

- O leitor anônimo adora menosprezar o sucesso do outro e só para não dá o “braço a torcer” comenta com um “kkkkkkkkkkkkkk” ou um “grande coisa”. 

- O leitor anônimo é incapaz de perceber que a cada nova visita dele e a cada novo comentário, ele só está contribuindo para o sucesso do blog. É tão pobre de espírito que acha que ganha algo tentando atingir o autor do blog que ele mal sabe quem é. 

- O leitor anônimo não tem senso de humor e não acha a menor graça quando alguém discorda de sua opinião ou faz algum comentário mais irônico do seu ponto de vista. 

- O leitor anônimo não deve ser levado a sério, pois seus comentários insignificantes são apenas o reflexo das suas vidas frustradas e pouco interessantes. 

Enfim...é por esses e mais outros 300 motivos que estarei bloqueando o recebimento de comentários anônimos. 


sexta-feira, 19 de abril de 2013

Pensamentos e Devaneios

Hoje levei um susto quando fui fazer “as contas” de quantos dias eu estava sem sexo. Fazendo um cálculo rápido cheguei a um número com três casas decimais: 295 dias ! Ohhh !!! Já ? 

Mas...não, não, não! Nada de ter peninha de mim! Estou muito bem! 

Não que não goste de ter uma vida sexual ativa, ou que seu seja uma mulher assexuada ou frigida. Nada disso! Adoro sexo, mas isso mostra o quanto eu mudei, amadureci e me tornei uma mulher mais seletiva. Ainda buscando informações lá no fundo da minha mente, fui fazer uma análise dos meus três últimos “parceiros sexuais”. O perfil dos “colaboradores” foram: 

· Homem 01 – último parceiro sexual, 24 anos, operador de caixa, casado e com um filho. Condição financeira baixa, nível de instrução baixa. Pontos fortes: muito bom de cama, carinhoso, atencioso. 

· Homem 02 – penúltimo parceiro sexual, 35 anos, pedreiro, feio, pobre e com uma performance sexual péssima. Tão ruim na cama que outras características nem foram analisadas. Só teve uma chance comigo! 

· Homem 03 – antepenúltimo parceiro sexual, 28 anos, eletricista, bom de cama, corpo bonito, mas com cara de pobre. Nunca revelou seu estado civil o que me leva a acreditar ser casado. Morador de um bairro periférico. 

Enfim...de acordo com essas reflexões então vocês podem perceber que: realmente tenho tido um “dedo pobre” para homem. E isso precisa mudar ! 

Já sofri muito na mão do cara errado e levei anos para me recuperar, mas consegui! Embora o choro convulsivo tenha me deixado muito pra baixo e feito eu perder muitos anos da minha vida, eu acordei e acho que nunca é tarde pra mudar.

Aprendi a separar o prazer do amor! Claro que não estou dizendo que ando indo pra cama com qualquer um, se fosse assim eu não estaria a tanto tempo sem uma relação sexual. No mínimo tenho que está encantada pelo homem. Amor? Pode nascer depois...mas aprendi a ter prazer em um estado de “encantamento”. E é esse o x na questão, tenho me encantado muito, muito pouco, pois me tornei uma mulher muito mais exigente ! 

E assim eu estou: sozinha, mas feliz, pensando e sonhando muito. Lendo, escrevendo, apreciando mais a natureza e a religião. Me tornando uma mulher com M maiúsculo, m de MARAVILHOSA! Quem tiver o privilégio de ir pra cama comigo, terá que merecer e está a minha altura! 


terça-feira, 16 de abril de 2013

Porque as mulheres gostam de dinheiro?



Pessoas consideradas politicamente corretas, são bem aceitas na sociedade. Rotuladas como as “boazinhas”, todo mundo é capaz de dar dinheiro. Não estou dizendo que vou ensinar a ser mau ou a tirar dinheiro de alguém. Mas vou buscar defender a ideia de que a vida é muito difícil, principalmente para as fêmeas. Na realidade, esse blog é a defesa da coragem das pessoas em agir conforme seus desejos e não guiado pela sociedade.

Por exemplo, para que serve um macho pobre de espirito, beberrão e covarde, que em meio de uma grande capital, não é capaz de alimentar a "sua" fêmea grávida? Para nada.

Provavelmente as mulheres mais inteligentes se recusaram a reproduzir com tais inúteis. E elas legaram às suas filhas essa percepção aguda contra o macho fracassado.


“ Por isso mesmo uma fêmea até hoje não suporta machos, fracos, medrosos e pobres”

Luiz Felipe Pondé


Essa é a realidade! Aceitem, mesmo que mintam por aí afirmando o contrário.

Depois da emancipação feminina, invenção da pílula anticoncepcional e da mini-saia, nós mulheres ficamos “impossíveis”. E aprendemos a “selecionar” nossos homens e não aceitarmos o parceiro escolhido por nossos pais.

Então eu lhe pergunto: Porque as mulheres gostam de dinheiro? Vejam a surpreendente resposta no vídeo acima!